Karl Marx

Karl Marx foi um filósofo, sociólogo, economista e historiador alemão do século XIX. Saiba mais sobre sua vida e obra no texto abaixo.

Karl Marx: o idealizador do comunismo
Karl Marx: o idealizador do comunismo

 

Quem foi

 

Karl Heinrich Marx foi um economista, sociólogo, historiador e filósofo alemão do século XIX. É considerado o pai do comunismo, que também é conhecido como marxismo.

 

Biografia resumida de Karl Marx

 

- Marx nasceu na cidade de Tréveris (atual Alemanha) no dia 05 de maio de 1818.

 

- Durante sua vida, estudou e publicou obras relacionadas à Filosofia, Sociologia, Economia, História, Política e Teoria social.

 

- Cursou Filosofia, Direito e História nas Universidades de Bonn e Berlim e foi um dos seguidores das ideias de Hegel.

 

- Em 1843, casou-se com Jenny von Westphalen. Com ela, Marx teve sete filhos. Jenny ajudou muito o marido no trabalho de transcrição dos manuscritos.

 

- Viveu exilado em Londres entre os anos de 1849 e 1864. Foi nesse período que tomou conhecimento sobre a vida dos operários.

 

- Este importante personagem histórico faleceu em Londres (Inglaterra), aos 64 anos, em 14 de março de 1883.

 

Principais ideias marxistas:

 

- Marx idealizou uma sociedade com uma distribuição de renda justa e equilibrada (sem classes sociais).

 

- Esse filósofo alemão foi expulso da maior parte dos países europeus devido ao seu radicalismo. Seu envolvimento com radicais franceses e alemães, no agitado período de 1840, fez com que ele levantasse a bandeira do comunismo e atacasse o sistema capitalista. Segundo Marx, o capitalismo era o principal responsável pela desorientação humana. Ele defendia a ideia de que a classe trabalhadora deveria unir-se com o propósito de derrubar os capitalistas e aniquilar de vez a característica abusiva deste sistema que, segundo ele, era o maior responsável pelas crises que se viam cada vez mais intensificadas pelas grandes diferenças sociais. 

 

- Este revolucionário, que também participou ativamente de organizações clandestinas com operários exilados, foi o criador da obra O Capital, livro publicado em 1867, que tem como tema principal a economia. Seu livro mostra estudos sobre o acúmulo de capital, identificando que o excedente originado pelos trabalhadores acaba sempre nas mãos dos capitalistas, classe que fica cada vez mais rica a custa do empobrecimento do proletariado. Com a colaboração de Engels, Marx escreveu também o Manifesto Comunista, onde não poupou críticas ao capitalismo. 

 

- Após sua morte, deixou muitos seguidores de seus ideais. Lênin foi um deles, e, na União Soviética, utilizou as ideias marxistas para sustentar o comunismo, que, sob sua liderança, foi renomeado para marxismo-leninismo. Contudo, alguns marxistas discordavam de certos caminhos escolhidos pelo líder russo. 

 

Fotografia de Karl Marx sentado

Karl Marx numa foto de 1875.




Marxismo na atualidade

 

Até hoje, as ideias marxistas continuam a influenciar muitos historiadores e cientistas sociais que, independente de aceitarem ou não as teorias do pensador alemão, concordam com a ideia de que para se compreender uma sociedade deve-se entender primeiramente sua forma de produção.



Obras mais importantes de Marx:

 

- Manifesto Comunista (1848) - obra realizada em conjunto com Friedrich Engels.


- Contribuição à crítica da economia política (1858)


- O Capital - crítica da economia política (1867, 1885, 1894)



Exemplos de frases:

 

- "A história se repete, primeiro como tragédia, depois como farsa."

 

- "Até agora os filósofos ficam preocupados na interpretação do mundo de várias maneiras. O que importa é transformá-lo."

 

- "A história da sociedade até aos nossos dias é a história da luta de classes."

 

- "O dinheiro é a essência alienada do trabalho e da existência do homem; a essência domina-o e ele adora-o".

 

- "Todas as mercadorias, enquanto valores, são trabalho humano objetivado."

 

- "O medo cala a boca dos inocentes e faz prevalecer a verdade dos culpados."

 

Capa da primeira edição de O Capital de Karl Marx

Capa da primeira edição de O Capital (1867): a principal e mais conhecida obra de Karl Marx.

 

 



Última revisão: 30/09/2020

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).