G7

O que é, países, objetivos, cúpula, reuniões, resumo, criação do grupo dos sete

G7: Cúpula de 2017 aconteceu na Itália
G7: Cúpula de 2017 aconteceu na Itália

 

O que é e países que fazem parte

 

O Grupo dos Sete, mais conhecido como G7, é um grupo informal composto por sete países, que estão entre as maiores e mais industrializadas economias do mundo. Estes países também possuem grande influência estratégica, política e militar no mundo.

 

Fazem parte do G7 os seguintes países: Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Japão, França, Reino Unido e Itália.

 

Criação, entrada e saída da Rússia

 

O G7 se formou em 1977. No ano de 1988, o grupo aceitou a entrada da Rússia e o grupo passou a ser chamado de G8 ou G7+Rússia.

 

Em março de 2014, a Rússia foi excluída do G8, que voltou a ser chamado de G7. O motivo do desligamento foi a anexação da Crimeia pela Rússia, ação que resultou em contestação da União Europeia.

 

Objetivos principais

 

O G7 realiza encontros anuais com o propósito de discutir e tomar decisões importantes nas áreas de economia, problemas sociais mundiais, questões e conflitos militares, meio ambiente, política internacional, comércio internacional, entre outras.

 

Cúpula do G7

 

- Entre os dias 26 e 27 de maio de 2017, foi realizada, na cidade de Taormina (sul da Itália), a última cúpula do G7. As questões mais discutidas foram a ameaça do terrorismo e o comércio internacional (principalmente o protecionismo). Um dos pontos mais negativos foi a decisão do presidente Donald Trump de não confirmar a participação dos EUA no Acordo do Clima de Paris. 

 

- No dia 01 de junho de 2017, cinco dias após o fim da Cúpula do G7, Donald Trump anunciou a saída dos Estados Unidos do acordo climático mundial, que visa reduzir a emissão de gases do efeito estufa e diminuir os efeitos nocivos do aquecimento global e das mudanças climáticas resultantes dele.