PIB do Brasil em 2019

Desempenho nos 1º e 2º trimestre de 2019, resultados por setores, valores correntes em reais e dólar, comparação com outros países do mundo.

PIB do Brasil em 2019: espectativa de crescimento baixo
PIB do Brasil em 2019: espectativa de crescimento baixo

 

PIB do Brasil no 1º trimestre de 2019

 

 

De acordo com os dados divulgados pelo IBGE em 30/05/2019, o Produto Interno Bruto do Brasil apresentou queda de 0,2% nos três primeiros meses do ano (em relação ao 4º trimestre de 2018).

 

Em valores correntes, o PIB brasileiro ficou em R$ 1,713 trilhão. Em dólar, esse valor é de US$ 431,5 bilhões (com cotação do dólar de R$ 3,97 em 30/05/2019).

 

Desempenho do PIB brasileiro por setores (1º trimestre de 2019)*:

 

- Agropecuária: -0,5% (R$ 90,3 bilhões)

 

- Indústria: -0,7% (R$ 297 bilhões)

 

- Serviços: +0,2% (R$ 1.074,8 trilhão)

 

- Consumo das famílias: +0,3% (R$ 1.111,4 trilhão)

 

- Consumo do governo: +0,4% (R$ 329,8 bilhões)

 

- Investimentos (formação bruta de capital fixo): -1,7% (R$ 265,6 bilhões).

 

- Taxa de Investimentos: 15,5% do PIB.

 

* em relação ao trimestre anterior.

 

Comparação do desempenho do PIB brasileiro com o de outros países no 1º trimestre de 2019:
* em relação ao 1º trimestre de 2018

 

- Brasil: +0,5%

 

- Espanha: +2,4%

 

- Reino Unido: +1,8%

 

- França: +1,2%

 

- Alemanha: +0,7%

 

- Itália: +0,1%

 

- China: +6,4%

 

- Portugal: +1,8%

 

- Japão: +0,8%

 

- Estados Unidos: +3,1%

 

PIB do 1º tri de 2019 em relação ao 1º tri de 2018:

 

- Em relação ao 1º trimestre de 2018, o PIB brasileiro do 1º trimestre de 2019 acumulou alta de 0,5%.

 

 

PIB do Brasil no 2º trimestre de 2019

 

 

De acordo com os dados divulgados pelo IBGE em 29/08/2019, o Produto Interno Bruto do Brasil apresentou crescimento de 0,4% nos meses de abril, maio e junho (em relação ao 1º trimestre de 2019).

 

Em valores correntes, o PIB brasileiro ficou em R$ 1,780 trilhão. Em dólar, esse valor é de US$ 428,9 bilhões (com cotação do dólar de R$ 4,15  em 29 /08/2019).

 

No acumulado do 1º semestre de 2019, a alta do PIB brasileiro é de 0,7%.

 

 

Desempenho do PIB brasileiro por setores (2º trimestre de 2019)*:

 

- Agropecuária: -0,4% (R$ 86,9 bilhões)

 

- Indústria: +0,7% (R$ 324,4 bilhões)

 

- Serviços: +0,3% (R$ 1,112 trilhão)

 

- Consumo das famílias: +0,3% (R$ 1,133 trilhão)

 

- Consumo do governo: -1,0% (R$ 349,5 bilhões)

 

- Investimentos (formação bruta de capital fixo): +3,2%

 

- Taxa de poupança (Poupança/PIB): 15,2%

 

- Taxa de Investimentos: 15,9% do PIB.

 

* em relação ao trimestre anterior.

 

 

PIB do 2º tri de 2019 em relação ao 2º tri de 2018:

 

- Em relação ao 2º trimestre de 2018, o PIB brasileiro do 2º trimestre de 2019 apresentou alta de 1%.

 

 

Expectativas para o ano de 2019:

 

- De acordo com muitos economistas, a economia brasileira deverá apresentar um crescimento fraco em 2019, ficando com alta entre 0,5% e 1%.