Populismo

Populismo é uma prática política em que o governante se aproxima da população através de ações e ideias populares.

Getúlio Vargas: exemplo de populismo brasileiro
Getúlio Vargas: exemplo de populismo brasileiro

 

Significado político (conceito)

 

Populismo é uma forma de governar em que o governante utiliza de vários recursos para obter apoio popular. O populista utiliza uma linguagem simples e popular, usa e abusa da propaganda pessoal, afirma não ser igual aos outros políticos, toma medidas autoritárias, não respeita os partidos políticos e instituições democráticas, diz que é capaz de resolver todos os problemas e possui um comportamento bem carismático. É muito comum encontrarmos governos populistas em países com grandes diferenças sociais e presença de pobreza e miséria.

 

De acordo com o dicionário Houaiss, Populismo é a "prática política em que se arroga a defesa dos interesses das classes de menor poder econômico, a fim de conquistar a simpatia e a aprovação popular"¹.

 

 

Frase Exemplo:

 

Getúlio Vargas foi um presidente que seguiu o populismo.

 

 

Explicação da frase:

 

Getúlio Vargas, ex-presidente do Brasil, adotou o populismo como uma das características de seu governo. Apelidado de "pai dos pobres", promoveu seu governo com manifestações e discursos populares, principalmente no Dia do Trabalho (1º de maio). Não respeitou a liberdade de expressão e a democracia no país. Usou a propaganda para divulgar suas ações de governo.

 

 

Palavras derivadas:

 

Populista (que segue o populismo, que adota um sistema de governo populista).

 

Exemplos de outros governos populistas:

 

- Alberto Fujimori (presidente do Peru de 1990 a 2000)


- Juan Domingo Perón (presidente da Argentina entre 1946 e 1952; 1952 a 1955 e 1973 e 1974)


- Hugo Chavéz (presidente da Venezuela entre 1999 e 2013)


- Carlos Menem (presidente da Argentina entre 1973 e 1976; 1983 e 1989).

 

Foto de Juan Domingo Perón

Juan Domingo Perón: ex-presidente da Argentina é outro exemplo de governante populista.

 

 

 

1 - ↑ HOUAISS, Antônio. Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa. 2009. CD-ROM.

 



Última revisão: 23/03/2021

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).