Aborígenes

Os aborígenes são os povos nativos da Austrália.

Aborígene australiano
Aborígene australiano

 

Quem são

 

Os aborígenes são os povos nativos da Austrália e Tasmânia. Este grupo étnico autóctone está presente nestas regiões antes mesmo da colonização europeia.

 

 

Problemas enfrentados na atualidade

 

Atualmente, existem poucos aborígenes (na Austrália, são cerca de 2% da população), pois muitos deles foram se miscigenando com os europeus, durante os últimos dois séculos.

 

Logo, a colonização europeia gerou a perda de identidade cultural em grande parte dos aborígenes. Nestes últimos dois anos, muitos aborígenes também sofreram com as doenças trazidas pelos europeus, além da perda de terras para estes colonizadores. Todos estes problemas colaboraram para a drástica diminuição dos povos aborígenes neste período.

 

Na década de 1930, o governo australiano criou reservas, nas regiões norte e central da Austrália, com o objetivo de preservar os povos aborígenes e sua cultura. São nestas áreas que estes povos vivem atualmente. Foram também criadas, nos últimos cinquenta anos, várias leis federais, visando à proteção e integração dos aborígenes à comunidade australiana, garantindo a eles vários direitos sociais.

 

Principais características dos aborígenes antes da colonização europeia:

 

• Falavam, aproximadamente, 250 dialetos diferentes.

 

• Possuíam um sistema de organização social avançado para a época.

 

• Tinham uma religião baseada em rituais sagrados e crenças em seres mitológicos.

 

• Viviam da agricultura, da caça e pesca.

 

• Faziam arte como espécie de sistema de comunicação. Suas pinturas serviam para contar a história do grupo, além de retratar cenas do cotidiano e suas relações com as divindades.

 

 

5 características da cultura dos aborígenes australianos na atualidade:

 

A cultura aborígene australiana de hoje é diversa e complexa, refletindo as tradições e influências da cultura contínua mais antiga do mundo. Aqui estão cinco características da cultura aborígene australiana contemporânea:


1. Forte Conexão com a Terra e a Natureza: a cultura aborígene tem uma conexão espiritual e cultural profunda com a terra e o meio ambiente. Essa ligação é central para sua identidade, crenças e práticas. O conceito de "Dreamtime" explica as origens e a cultura da terra e de seu povo.


2. Arte e Contação de Histórias: a arte é uma parte vital da cultura aborígene, frequentemente usada para contar histórias, transmitir conhecimento cultural e se conectar com os ancestrais. Isso inclui formas tradicionais como pintura de pontos, pintura em casca e arte rupestre, além de formas de arte contemporâneas.


3. Preservação e Revitalização de Línguas Indígenas: apesar do impacto da colonização, esforços estão sendo feitos para preservar, revitalizar e promover as línguas aborígenes. Existem mais de 250 grupos linguísticos aborígenes e das Ilhas do Estreito de Torres na Austrália.


4. Cerimônias e Rituais Culturais: cerimônias e rituais permanecem uma parte importante da cultura aborígene. Isso pode incluir música, dança e a transmissão de histórias e tradições, que são frequentemente associadas a eventos significativos da vida e à manutenção do patrimônio cultural.


5. Laços Comunitários e de Parentesco: a cultura aborígene enfatiza a importância da comunidade e dos laços de parentesco. O conceito de família e comunidade vai além dos parentes imediatos, formando uma rede complexa de relações sociais que são centrais para sua estrutura social e identidade.



Curiosidade histórica

 

De acordo com pesquisas arqueológicas, os aborígenes vivem na Austrália a, pelo menos, 40 mil anos.

 

Foto de bumerangues aborígenes de madeira

Bumerangues feitos por aborígenes australianos.


 



Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).