Economia do Uruguai

Características econômicas do Uruguai, dados econômicos, aspectos da economia uruguaia, PIB

Criação de gado: uma das principais atividades econômicas do Uruguai
Criação de gado: uma das principais atividades econômicas do Uruguai

 

 

Principais dados da economia do Uruguai

 

Principais setores econômicos: indústria, pecuária, turismo, tecnologia e agricultura.

 

Posição no ranking econômico mundial: 96º (em volume de PIB do ano de 2017)

 

Moeda: Peso Uruguaio

 

PIB (nominal): US$ 58,42 bilhões (estimativa 2017)

 

PIB per capita: US$ 22.400 (estimativa 2017).

 

Taxa de crescimento do PIB: 3,1%  (em 2017)

 

Composição do PIB por setor da economia: serviços (68,8%), indústria (25%) e agricultura (6,2%) - (estimativa 2017).

 

Força de trabalho (em 2017):  1,75 milhão de trabalhadores ativos.

 

Carga tributária (impostos e taxas): 29,3% do PIB (em 2017)

 

Taxa de desemprego: 7,3 % (em julho de 2017)

 

Investimentos: 18,6% do PIB (em 2017 estimativa)

 

População abaixo da linha de pobreza: 9,3% (estimativa 2017)

 

Dívida Pública: 66,2% do PIB (no ano de 2017)

 

Taxa de Inflação: 6,2% (em 2017)

 

Taxa de crescimento da produção industrial: 1,6% (no ano de 2017)

 

Principais produtos agropecuários produzidos: carne bovina, soja, celulose e papel, arroz, madeira, trigo, produtos derivados de leite e peixes.

 

Principais produtos industrializados produzidos: alimentos processados, máquinas elétricas, equipamentos de transporte, produtos derivados de petróleo, tecidos e produtos químicos.

 

Principais produtos exportados: carne bovina, celulose, soja e trigo.

 

Principais produtos importados: petróleo e derivados, automóveis, telefones celulares e peças de automóveis.

 

Principais parceiros econômicos (exportação): Brasil, Argentina, Chile e Rússia.

 

Principais parceiros econômicos (importação): Brasil, Argentina, China, Estados Unidos e Rússia. 

 

Exportações (em 2017): US$ 8,97 bilhões

 

Importações (em 2017): US$ 8,74 bilhões 

 

Saldo da balança comercial (em 2017): superávit de US$ 230 milhões.

 

Organizações comerciais que participa: Mercosul