Sapo

O sapo é um animal anfíbio anuro. Existem várias espécies e muitas delas estão presentes na fauna brasileira.

Sapo: um anfíbio muito comum no Brasil
Sapo: um anfíbio muito comum no Brasil

 


INFORMAÇÕES E DADOS IMPORTANTES:



- O sapo é um animal anfíbio (animais vertebrados que possuem uma fase de vida terrestre e outra aquática).

 

- Existem quase 5 mil espécies de sapos na natureza.

 

- Com relação ao habitat, podemos dizer que a maior parte das espécies vive próximas aos rios e lagos, pois a fêmea necessita de água para pôr os ovos. Os girinos (filhotes) também necessitam da água para sobreviverem.

 

- Algumas espécies possuem glândulas na cabeça, onde produzem um veneno tóxico para espantar ou até mesmo matar outros animais que ofereçam algum tipo de perigo.

 

- Apesar de possuir poucos predadores na natureza, os principais são as cobras e aves de grande porte.

 

- A principal fonte de alimento dos sapos são os insetos. Capturam os insetos utilizando suas grandes línguas.

 

- A pele do sapo é mais rugosa e seca do que a da rã (outra espécie de anfíbio anuro).

 

- Espécies mais conhecidas: sapo-cururu, sapo-boi, sapo-ferreiro (também conhecido como sapo-martelo), sapo-verde-europeu, sapo-comum, sapo-corredor e sapo-dourado.

 

Foto de um sapo-martelo

Sapo-martelo (Boana faber): espécie também conhecida como sapo-ferreiro e presente no território brasileiro.



CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO SAPO:

 

Peso: 400 gramas (macho) e 1,5 quilo (fêmea).


Comprimento: macho (12 cm aproximadamente) e fêmea (25 cm aproximadamente).


Reprodução: a fêmea põe 30 mil ovos por ano, aproximadamente.

 

Foto de um girino de sapo

Girino: a larva dos anfíbios anuros.



CICLO DE REPRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO DOS SAPOS

 

Os sapos têm um processo reprodutivo distinto que tipicamente inclui estas etapas:


1. Cortejo para o acasalamento: os machos atraem as fêmeas através de chamados específicos para acasalamento, que variam entre as espécies. Este é o primeiro passo em seu ciclo reprodutivo.


2. Amplexo: uma vez que uma fêmea escolhe um macho, eles entram em uma posição chamada amplexo. Aqui, o macho segura a fêmea por trás em preparação para a desova.


3. Postura de ovos (desova): A fêmea libera os ovos, geralmente na água. Esses ovos são normalmente colocados em aglomerados ou cordões, dependendo da espécie.


4. Fertilização: simultaneamente, o macho libera esperma sobre os ovos para fertilizá-los. Esta fertilização externa é típica na maioria das espécies de sapos.


5. Desenvolvimento dos ovos: os ovos fertilizados, agora conhecidos como zigotos, se desenvolvem em girinos. Esta etapa é marcada por um crescimento significativo e diferenciação celular.


6. Estágio de girino: Após a eclosão, as larvas são conhecidas como girinos. Eles são aquáticos e possuem brânquias, cauda e uma boca para pastagem.


7. Metamorfose: os girinos passam por um processo de transformação onde desenvolvem pernas, pulmões e outras características adultas. Durante esta etapa, a cauda é absorvida, e os hábitos alimentares mudam.


8. Estágio juvenil: após a metamorfose, se assemelham aos adultos, mas são menores. Elas continuam a crescer e amadurecer nesta etapa.


9. Estágio adulto: uma vez totalmente maduros, os sapos atingem a maturidade sexual e são capazes de se reproduzir, completando assim o ciclo.



* Este processo reprodutivo é influenciado por fatores ambientais como temperatura e umidade, e varia ligeiramente entre diferentes espécies de rãs.

 

 

CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA:

 
Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Amphibia

Ordem: Anura

Família: Bufonidae



CURIOSIDADES:

 

- Muitas pessoas acreditam que o feminino de sapo é rã. Porém, isso é incorreto, pois o feminino de sapo é sapa.

 

- O coletivo de sapo é saparia.

 

- As espécies de sapos mais encontradas no Brasil são: sapo-cururu (Rhinella marina), sapo-barriga-verde (Scinax nasicus), sapo-de-coroa-amarela (Hypsiboas raniceps), sapo-preto-e-amarelo (Dendropsophus leucophyllatus) e Sapo-verde-e-amarelo (Dendropsophus minutus).

 

- O som emitido pelos sapos (vozes) é denominado coaxar ou grasnar.

 

Foto de um sapo-dourado. Ele possui cor alaranjada e olhos pretos.

Sapo-dourado (Incilius periglenes): espécie encontrada na América Central.

 

 

 

Foto de um sapo marrom dentro de uma piscina

Sapo na piscina

 

 

Temas relacionados