Ecologia

Ecologia é uma ciência que estuda os seres vivos e suas relações com o meio ambiente.

Ecologia: estudo dos seres vivos e o meio ambiente
Ecologia: estudo dos seres vivos e o meio ambiente

 

Definição e objeto de estudo

 

Ecologia é uma ciência (ramo da Biologia) que estuda os seres vivos e suas interações com o meio ambiente onde vivem. É uma palavra que deriva do grego, onde “oikos” significa casa e “logos” significa estudo. Esta palavra foi criada no ano de 1866 pelo biólogo e naturalista alemão Ernst Heinrich Haeckel.

 

A Ecologia também se encarrega de estudar a abundância e distribuição dos seres vivos no planeta Terra.

 

Importância dessa ciência

 

Esta ciência é de extrema importância, pois os resultados de seus estudos fornecem dados que revelam se os animais e os ecossistemas estão em perfeita harmonia. Numa época em que o desmatamento e a extinção de várias espécies estão em andamento, o trabalho dos ecologistas é de extrema importância.

 

Através das informações geradas pelos estudos da Ecologia, o homem pode planejar ações que evitem a destruição da natureza, possibilitando um futuro melhor para a humanidade.

 

Principais ramos da Ecologia

 

Por se tratar de uma ciência ampla, a Ecologia apresenta vários ramos de estudo e pesquisa. Os principais são: Autoecologia, Sinecologia (Ecologia Comunitária), Demoecologia (Dinâmica das Populações), Macroecologia, Ecofisiologia (Ecologia Ambiental), Ecologia Humana e Agroecologia.

 

Você sabia?

 

- Comemora-se em 5 de junho o Dia Mundial do Meio Ambiente e da Ecologia.


- Comemora-se em 1 de março o Dia do Turismo Ecológico.

- É comemorado em 13 de junho o Dia do Ecologista brasileiro.

 

- Teofrasto, botânico e filósofo grego do século III a.C., é considerado o primeiro ecologista da história. Ele foi o primeiro a pesquisar as relações entre os organismos e suas relações com o meio ambiente.

 

- Para os católicos, São Francisco de Assis é considerado o patrono da Ecologia.

 

- Barreiras ecológicas são limites biogeográficos (barreiras naturais ou criadas por seres humanos), cujo principal objetivo é isolar sistemas ambientais para que não haja perdas, trocas ou migrações de espécies ou matérias vivas. Dessa forma, um ecossistema, por exemplo, pode ser preservado e protegido.

 

Borboletas pousadas na flor de uma planta

Um dos focos de estudo da Ecologia são as interações dos seres vivos no meio ambiente.

 

 

TEXTO COMPLEMENTAR:

 

Ecólogo: o profissional que atual em ecologia

 

Com o despertar da sociedade para os problemas ambientais, o ecólogo passou a ter amplo campo de trabalho. As principais atividades realizadas por este profissional são: análise de impacto ambiental, criação de projetos voltados para a preservação do meio ambiente, pesquisas ligadas aos ecossistemas, participação em projetos de planejamento urbano, reflorestamento, etc.

 

Principais características profissionais (aptidões, habilidades e competências)

 

- Consciência ambiental

 

- Capacidade de planejamento

 

- Interesse em manter-se atualizado

 

- Interesse e disposição para trabalhos de campo (rios, matas, mares, florestas, etc).

 

- Criatividade na busca de soluções para problemas ambientais.

 

Mercado de Trabalho

 

Órgãos públicos voltados para o Meio Ambiente, indústrias de grande porte, parques ambientais, zoológicos, áreas de preservação ambiental, empresas de grande porte que atuam no setor agropecuário e laboratórios de pesquisa ambiental.

 

Especializações e cursos complementares

 

Após a formação, o ecólogo fazer cursos nas seguintes áreas: Zootecnia,  Biologia Marinha, Botânica, Ciências do Meio Ambiente, Gestão Ambiental, Mineração, Engenharia Florestal, Direito Ambiental, etc.

 



atualizado em 12/01/2021