Economia da Grécia Atual

Características econômicas da Grécia Atual, dados econômicos, aspectos da economia grega atual, PIB, crise atual

Turismo: um dos destaques da economia grega atual
Turismo: um dos destaques da economia grega atual

 

Situação econômica atual

 

A Grécia vem passando por uma grave crise econômica, provocada pela alta dívida pública. Mesmo com os planos de ajuda econômica aprovados pela União Europeia, o país amarga a falta de crescimento do PIB, pouca queda do desemprego e falta de credibilidade no mercado internacional. O forte plano de ajuste fiscal ainda vem sofrendo oposição popular, pois implica em redução de gastos públicos relacionados a, principalmente, direitos trabalhistas. Bancos, indústrias e até o setor de turismo estão sofrendo com a crise. A possibilidade da Grécia sair da Zona do Euro, embora tenha diminuído, ainda existe. A crise grega chegou a extrapolar, nos anos anteriores, as fronteiras do país, atingindo, principalmente, os países integrantes da União Europeia. Embora tenha apresentado uma pequena recuperação em 2017, a situação econômica do país ainda é complicada.

 

Dados da economia da Grécia Atual

 

Principais setores econômicos: indústria, finanças, turismo e agricultura.

 

Moeda: Euro - EUR

 

PIB (nominal): US$ 204,3 bilhões (em 2017)

 

PIB per capita: US$ 27.800 (em 2017)

 

Taxa de crescimento do PIB: 1,8% (em 2017)

 

Posição no ranking econômico mundial: 58º (em volume de PIB de 2017)

 

Composição do PIB por setor da economia: serviços (80%), indústria (16%) e agricultura (4%) - (ano de 2017)

 

Força de trabalho (em 2017): 4,77 milhões de trabalhadores ativos.

 

Taxa de desemprego: 22,3 % (em 2017)

 

Investimentos: 10,9% do PIB (ano de 2017)

 

População abaixo da linha de pobreza: 30% (estimativa 2017)

 

Dívida Pública: 180% do PIB (em 2017)

 

Taxa de Inflação: 1,2% (no ano de 2017)

 

Taxa de crescimento da produção industrial: 3% (ano de 2017).

 

Carga tributária (impostos e taxas): 46,7% do PIB (em 2017)

 

Principais produtos agropecuários produzidos: trigo, milho, cevada, beterraba (para produção de açúcar, principalmente), azeitonas, tomate, vinho, tabaco, azeite, batata, carne bovina, leite e derivados.

 

Principais produtos industrializados produzidos: alimentos industrializados, tecidos, produtos químicos, produtos de metal, cigarros, mineração e petróleo.

 

Principais produtos exportados: alimentos industrializados, bebidas, produtos de petróleo e produtos manufaturados.

 

Principais produtos importados: máquinas, equipamentos de transporte, produtos químicos e combustíveis.

 

Principais parceiros econômicos (exportação): Alemanha, Itália, Chipre e Bulgária.

 

Principais parceiros econômicos (importação): Alemanha, Itália, China e França. 

 

Exportações (em 2017): US$ 29,23 bilhões

 

Importações (em 2017): US$ 50,23 bilhões

 

Saldo da balança comercial: déficit de US$ 21 bilhões (em 2017)

 

Organizações comerciais que participa: União Europeia