Parceria Transpacífico - TPP

O que é, países membros, objetivos, acordo da TPP, resumo, dados econômicos, vantagens para os países, formação do bloco econômico, saída dos EUA

Parceria Transpacífico: rumo a formação do maior bloco econômico do mundo
Parceria Transpacífico: rumo a formação do maior bloco econômico do mundo

 

O que é (resumo)

 

A Parceria Transpacífico, também chamada de TPP (Trans-Pacific Partnership) é um acordo comercial entre 11 países da região do Pacífico (EUA saiu em 23 de janeiro de 2017). O acordo foi assinado em 5 de outubro de 2015 e deveria ser aprovado no Congresso dos EUA e também pelos outros países membros, antes de entrar em vigor. Com a saída dos EUA o acordo está correndo o risco de não sair do papel.

 

Objetivos da TPP:

 

- Diminuição de barreiras comerciais entre os países membros;

 

- Cancelar tarifas cobradas no comércio de bens e serviços entre os países parceiros;

 

- Aumentar o comércio entre os países do acordo;

 

- Estabelecimento de regras comuns de propriedade intelectual visando, principalmente, favorecer as empresas multinacionais;

 

- Estabelecimento de padrões e normas no campo de leis trabalhistas;

 

- Adoção de ações comuns no combate aos crimes contra o meio ambiente;

 

- Aumentar os investimentos entre os países do acordo;

 

- Estimular a inovação, visando criar condições para o desenvolvimento econômico dos países membros;

 

- Criação e manutenção de empregos nos países membros;

 

- Criação de mecanismos, que criem condições para a resolução de controvérsias comerciais entre os países participantes;

 

- Futuramente, a TPP poderá se transformar num grande bloco econômico com a entrada de novos países. Coreia do Sul, Taiwan, Colômbia, Indonésia, Filipinas e Tailândia já anunciaram interesse em participar da TPP;


Países membros da TPP (em outubro de 2015):

 

- Estados Unidos da América (saiu em janeiro de 2017)

- Japão

- Canadá

- México

- Peru

- Chile

- Cingapura

- Austrália

- Brunei

- Malásia

- Nova Zelândia

- Vietnã

 

Dados econômicos da TPP (em janeiro de 2017):

 

- PIB: cerca de US$ 51 trilhões (aproximadamente 40% do PIB mundial).

 

- Número de consumidores estimado: cerca de 795 milhões.

 

- Movimentação a partir do funcionamento pleno (prevista para 2025): cerca de US$ 220 bilhões.

 

Péssima notícia para a TPP: saída dos EUA

 

- Em 21 de novembro de 2016, o presidente eleito dos EUA afirmou que, no primeiro dia do seu governo, seu país deixaria a Parceria Transpacífico. Sem a maior economia mundial, muitos economistas afirmam que o tratado pode ser descontinuado. Em 23 de janeiro de 2017, já como presidente dos EUA, Trump cumpriu sua promessa de campanha e, através de uma ordem executiva, retirou os Estados Unidos da Parceria Transpacífico.