Império Assírio

O que foi, resumo, período histórico, principais características, economia, política, religião, arte, cultura, governo e sociedade

Arqueiros assírios: o exército era a grande força do império
Arqueiros assírios: o exército era a grande força do império

 

Introdução - período histórico e localização geográfica

 

O Império Assírio foi um reino, que se desenvolveu na região norte da Mesopotâmia (no Oriente Médio), entre os anos de 2.500 a.C. e 612 a.C.

 

Resumo das principais características do Império Assírio:

 

- O Império Assírio teve duas capitais: a cidades de Assur e depois Nínive.

 

- A economia assíria era baseada, principalmente, na agricultura e também nas pilhagens obtidas nas guerras. A agricultura dependia das enchentes do rio Tigre, que deixava o vale fértil.

 

- O período de maior desenvolvimento do povo assírio foi durante o reinado de Senaqueribe (entre 705 a.C. e 681 a.C.). Foi ele que transferiu a capital do império de Assur para Nínive. Outros reis importantes no Império Assírios foram: Sargão II e Assurbanipal (último grande rei assírio).

 

- O rei era a autoridade máxima no Império Assírio e concentrava vários poderes em suas mãos (governo monárquico e autoritário). Os chefes militares também tinham importância na sociedade. Existiam também os sacerdotes, os comerciantes, os artesãos e os agricultores. Com relação ao trabalho, havia o sistema de servidão coletiva, principalmente para os capturados em batalhas.

 

- Os assírios possuíam uma religião politeísta (crença em vários deuses). O principal deus assírio era Assur, que era identificado com o Sol e com o poder da guerra. Outros deuses importantes do panteão assírio eram: Adad (deus das chuvas e das tempestades), Anu (deus do céu), Nabu (deus da sabedoria e da escrita), Dagan (deus da fertilidade), Astarte (deusa da guerra e do amor), Enki (deus da água) e Tammuz (deus da vegetação e da comida).

 

- Na arquitetura, podemos destacar a construção de templos, palácios e zigurates.

 

- A escrita dos assírios era a cuneiforme e a língua principal era o acadiano.

 

- Outra característica marcante dos assírios era a violência que utilizavam com seus inimigos de guerra. Há relatos de várias ações cruéis contra adversários. O exército assírio era muito poderoso, bem preparado e armado. Eles eram muito temidos pelos povos vizinhos.

 

- Com relação as artes, podemos destacar os relevos que decoravam as paredes dos palácios. Esses relevos, geralmente, retratavam as qualidades (principalmente força e valentia) e grandes conquistas militares dos imperadores assírios. Havia também nos palácios grandes esculturas e azulejos policromados decorativos.


Rei assírio Sargão II e um dignatário

 

 

 

 

 

 

 

Rei assírio Sargão II e um dignatário (baixo-relevo)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicado em: 17/10/2019
___________________________________

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).