Comércio Triangular no Brasil Colônia

Como era o comércio triangular no Brasil Colônia e suas principais características

Escravos sendo transportados num navio negreiro no comércio triangular
Escravos sendo transportados num navio negreiro no comércio triangular

 

O que foi

 

O comércio triangular no Brasil Colônia foi aquele realizado pelos comerciantes portugueses entre Portugal, Brasil e África (colônias portuguesas, principalmente Guiné, Moçambique e Angola). Foi denominado triangular pois as três rotas eram: de Portugal para África; da África para o Brasil e do Brasil para Portugal.

 

As três etapas do comércio triangular:

 

1 - Portugal transportava, via marítima (com uso de caravelas), mercadorias para a África. Essas mercadorias (fumo, aguardente, espelhos, etc.) eram trocadas por escravos com os chefes de tribos africanas, que ofereciam aos portugueses os prisioneiros de guerra.

 

2 – Os comerciantes portugueses levavam, em suas caravelas, escravos da África para serem comercializados no Brasil (principalmente nos engenhos de açúcar no Nordeste).

 

3 – Numa terceira etapa, os portugueses carregavam grandes quantidades de açúcar nas caravelas e levavam para Portugal, para na sequência serem vendidas na Europa.

 

Esse comércio era muito lucrativo e favorável do ponto de vista logístico, pois os comerciantes sempre estavam transportando ou mercadorias, ou açúcar ou escravos africanos. Os comerciantes portugueses enriqueceram muito com esse comércio triangular.


Caravela portuguesa usada em comércio triangular

 

 

 

 

Caravela: usada no comércio triangular.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Artigo publicado em: 24/11/2019
___________________________________

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).