Jesuítas na História do Brasil

Os jesuítas eram padres católicos da Companhia de Jesus, que vieram para o Brasil no início da colonização para catequizarem os índios. Saiba mais no texto abaixo.

Padre José de Anchieta catequizando os índios brasileiros
Padre José de Anchieta catequizando os índios brasileiros

 

Introdução: os jesuítas no Brasil Colonial

 

Os jesuítas são religiosos da Igreja Católica que fazem parte da Companhia de Jesus. Esta ordem religiosa foi fundada em 1534 por Inácio de Loiola. A Companhia de Jesus foi criada logo após a Reforma Protestante (século XVI), como uma forma de barrar o avanço do protestantismo no mundo. Portanto, esta ordem religiosa foi criada no contexto da Contrarreforma Católica. Os primeiros jesuítas chegaram ao Brasil no ano de 1549, com a expedição de Tomé de Souza.

 

Objetivos dos jesuítas no período da colonização brasileira:

 

- Levar o catolicismo para as regiões recém-descobertas, no século XVI, principalmente à América;

 

- Catequizar os índios americanos, transmitindo-lhes as línguas portuguesa e espanhola, os costumes europeus e a religião católica;

 

- Difundir o catolicismo na Índia, China e África, evitando o avanço do protestantismo nestas regiões;

 

- Construir e desenvolver escolas católicas em diversas regiões do mundo.

 

Podemos destacar os seguintes jesuítas que vieram ao Brasil no século XVI: Padre Manoel da Nóbrega, Padre José de Anchieta e Padre Antônio Vieira. Em 1760, alegando conspiração contra o reino português, o Marquês de Pombal expulsou os jesuítas do Brasil, confiscando os bens da ordem.

 

Padre Manoel da Nobrega abençoando as tropas

Padre Manoel da Nobrega abençoando as tropas (pintura de Benedito Calixto).

 

 

Curiosidades históricas:

 

- A ordem dos jesuítas foi extinta pelo papa Clemente XIV, no ano de 1773. Somente no ano de 1814 que ela voltou a ser aceita pela Igreja Católica, graças ao papa Pio VII.

 

- Para transmitir os ensinamentos religiosos aos indígenas, os jesuítas aprendiam a língua nativa (principalmente o tupi) para poderem se comunicar melhor. Eles também traduziram, para o tupi, músicas, livros religiosos, passagens bíblicas e até a missa.

 


A Companhia de Jesus

 

 

Símbolo (logo) atual da Companhia de Jesus
Símbolo (logo) atual da Companhia de Jesus

 

Criação da Companhia de Jesus


A ordem nasceu da atividade de Inácio, um soldado espanhol que se converteu durante um período de convalescença. Depois de intensa oração, ele compôs os Exercícios Espirituais, um guia de aproximação a Jesus Cristo. Em 1534, em Paris, seis jovens que o haviam conhecido na Universidade de Paris e fizeram um retiro de acordo com os Exercícios Espirituais juntaram-se a ele em votos de pobreza e castidade. Prometeram ainda aceitar qualquer trabalho apostólico solicitado pelo papa.

 

Em 1539, Inácio redigiu o primeiro esboço da organização da ordem, aprovada pelo papa Paulo III em 1540.



Principais inovações e atuação dos jesuítas


A ordem introduziu várias inovações na forma da vida religiosa. Entre elas, a descontinuidade de práticas medievais, como penitências e jejuns obrigatórios para todos. Também instituiu um uniforme comum e a recitação coral da liturgia. A autoridade foi centralizada no chefe da ordem, que tinha mandato vitalício; havia gradação dos membros e falta de um ramo feminino. Particular ênfase foi dada à virtude da obediência, especialmente ao papa.

 

Você sabia?

 

- Vários jesuítas, entre eles os padres José de Anchieta e Manoel da Nóbrega, vieram para o Brasil no começo do século XVI para atuarem, principalmente, na catequização de indígenas.


- O lema da Companhia de Jesus é " Para a maior glória de Deus". Em latim é Ad maiorem Dei gloriam.

 

- A sigla dessa ordem religiosa é S.J.

 

- As atividades atuais principais da Companhia de Jesus são: missão (divulgação do cristianismo em regiões sem religião) e educação.

 

- Atualmente, a ordem é composta por, aproximadamente, 19 mil membros no mundo todo. Sua sede fica na cidade de Roma (Itália).

 

Retrato pintado de Inácio de Loyola

Inácio de Loyola: o primeiro líder da Companhia de Jesus.

 

 

 



Última revisão: 26/12/2020

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).